terça-feira, 30 de agosto de 2016

Convite - PRIMEIRO ENCONTRO DE COMUNICADORES MCB

Venha participar conosco hoje da primeira reunião do MCB - Movimento dos Comunicadores do Brasil!

PRIMEIRO ENCONTRO DE COMUNICADORES MCB
DATA: 30/08/2016.
HORÁRIO: 19:30 às 22:00.
LOCAL: SRTVS QD 701, BLOCO 01, CONJUNTO L, SALA 529, CENTRO EMPRESARIAL ASSIS CHATEUABRIAND, CEP 70.340-907.
PAUTA: Distribuição de coordenações, sede do MCB, apoio aos comunicadores, planejamento estratégico e desafios dos comunicadores.
SOBRE O MCB: O Movimento dos Comunicadores do Brasil tem o objetivo de unir e integrar os COMUNICADORES das diferentes áreas como: Apresentadores, Blogueiros, Colunistas, Designers gráficos, Fotógrafos, Jornalistas, Locutores, Marqueteiros, Produtores, Publicitários, Radialistas, Social medias, Web designers e Youtubers para desenvolver tecnicamente o setor, acompanhando assim a evolução em nível mundial.

Brasília-DF - Farmácias de Alto Custo passarão a atender em novo horário






 Farmácias de Alto Custo passarão a atender em novo horário
Atendimento será reduzido em uma hora a partir de 1º de setembro

BRASÍLIA (29/8/16) – A partir da próxima quinta-feira (1), o horário de atendimento das farmácias de alto custo da Secretaria de Saúde será reduzido em uma hora, passando a funcionar de 8h às 17h. O motivo da mudança é a redução da carga horária de técnicos administrativos, de 24h para 20h, conforme a Lei 5.174/2013.

Pelo mesmo motivo, os setores de cadastro e atendimento aos pacientes renais crônicos também terão o horário de funcionamento alterado, passando a funcionar de 8h às 12h e de 13h às 17h.

"A princípio, os demais serviços serão mantidos em funcionamento ininterrupto, enquanto for possível gerenciar as escalas dos servidores disponíveis e como forma de reduzir o impacto ao paciente", afirma a gerente das Farmácias de Alto Custo, Priscila Torres.

A Secretaria de Saúde conta com duas unidades da Farmácia de Alto Custo, uma na estação 102 Sul do Metrô e outra na Praça do Cidadão, em Ceilândia.

REDUÇÃO – A redução da carga horária aprovada em 2013 vale para os servidores da carreira Assistência Pública à Saúde e começa a valer em 1º de setembro. Com as mudanças, a Secretaria de Saúde perde em horas o equivalente a 290 profissionais.

O Blog Companhia das Entrevistas recebeu o Prêmio MCB 2016 - Categoria Blog de Cultura.


16º Seminário Brasileiro do Transporte Rodoviário de Cargas


Brasília, 30/08/2016
Rádio Agência Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados sedia nesta quarta-feira (31) o décimo sexto Seminário Brasileiro do Transporte Rodoviário de Cargas. O evento contará com a presença de lideranças do setor e de autoridades governamentais. Entre os temas que serão discutidos, estão o marco regulatório do transporte rodoviário de cargas e a reforma trabalhista. A intenção dos participantes é buscar propostas de alterações da legislação e debater o projeto de terceirização do setor.
Idealizador do evento, o deputado Gonzaga Patriota, do PSB pernambucano, fala da importância do debate.
"Esses dois principais painéis, principalmente o marco regulatório e também os problemas trabalhistas no Brasil, é que os motoristas eram incentivados a passar vinte, trinta, quarenta horas ao volante, e nós temos agora esse controle para que isso não aconteça mais, porque não apenas morriam os motoristas do transporte rodoviário de cargas, como também matavam. E também temos que ver o marco regulatório que precisa de adaptação e que os governos estaduais e federal possam olhar de perto esse problema do transporte rodoviário de carga no Brasil."
Em sua décima sexta edição, o seminário sobre transporte rodoviário de cargas já levou temas de grande destaque à Câmara, como o apagão logístico, a infraestrutura rodoviária e a Lei do Motorista. O evento é uma realização da Comissão de Viação e Transportes da Câmara com apoio da Federação Interestadual das Empresas de Transporte de Cargas e da Confederação Nacional do Transporte. O seminário será na quarta-feira, das nove da manhã às cinco da tarde, no Auditório Nereu Ramos.
Reportagem – Geórgia Moraes

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Credenciamento para Assembleia Geral da ONU vai até 9 de setembro


O Debate Geral da 71ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas acontece entre os dias 20 e 26 de setembro na sede da ONU em Nova Iorque (EUA). O credenciamento é eletrônico e vale também para a Reunião de Alto Nível sobre Grandes Movimentos de Refugiados e Migrantes.
Assembleia Geral da ONU. Foto: ONU/Rick Bajornas
Assembleia Geral da ONU. Foto: ONU/Rick Bajornas
Está aberto o credenciamento de imprensa para o Debate Geral da 71ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, que acontece entre os dias 20 e 26 de setembro na sede da ONU em Nova Iorque (EUA). As solicitações devem ser feitas na Unidade de Mídia das Nações Unidas (MALU) até o dia 9 de setembro.
O formulário eletrônico para credenciamento está disponível no endereço www.un.org/en/media/accreditation. É necessário anexar uma foto do profissional e uma carta do veículo de imprensa, em papel timbrado e assinado pela chefia imediata. Profissionais que já têm credencial permanente para acesso à sede das Nações Unidas não precisam de novo credenciamento para o evento.
O credenciamento é válido para também para a cobertura dos seguintes eventos: Reunião de Alto Nível sobre Grandes Movimentos de Refugiados e Migrantes (19/9),  Reunião de Alto Nível sobre Resistência Antimicrobiana (21/9),  Segmento da Assembleia Geral em comemoração ao Trigésimo Aniversário da Declaração sobre o Direito ao Desenvolvimento (22/9) e  Reunião em Comemoração e Promoção ao Dia Internacional para a Eliminação Completa das Armas Nucleares (26/9).
O Ministério das Relações Exteriores do Brasil solicita que os profissionais informem à pasta o nome completo, veículo de imprensa, função, e-mail, números de telefone celular e de passaporte. Os dados devem ser enviados para credenciamento@itamaraty.gov.br.

Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil | UNIC Rio

Vídeo - Holograma de Juscelino Kubitschek é novidade no Memorial JK em Brasília

Vídeo - Tecnologia moderniza e torna mais acessível o acervo do Memorial JK

Vídeo - Anna Kubitschek fala sobre modernização e acessibilidade no Memorial JK

Vídeo - Memorial JK moderniza e aumenta acessibilidade de seu acervo

BRB - O lucro líquido do BRB foi de R$ 41,4 milhões no primeiro semestre de 2016

BRB divulga balanço referente ao 1º semestre de 2016

(Brasília, 29/8/2016) – O Banco de Brasília (BRB) publicou na sexta-feira (26) seus resultados referentes ao primeiro semestre de 2016. Confira, abaixo, as principais informações operacionais e financeiras:
Lucro Líquido
O lucro líquido do BRB foi de R$ 41,4 milhões no primeiro semestre de 2016, representando crescimento de 68,3% em relação ao mesmo período do ano anterior.
Ativos Totais
Os ativos totais do BRB Múltiplo cresceram 2,6% em 12 meses e 1,4% no último semestre, mantendo a tendência de crescimento observada nos últimos dois semestres. Quando considerado os ativos totais do BRB Consolidado, observa-se um crescimento de 2,1% em 12 meses e de 0,8% no 1º semestre de 2016, impactado pelas operações de tesouraria, em especial, com as operações de títulos e valores mobiliários.
Receitas de Intermediação Financeira
No primeiro semestre de 2016, a receita da intermediação financeira cresceu 12% no BRB Múltiplo e 11% no BRB Consolidado em relação ao primeiro semestre de 2015. A maior parte foi proveniente das receitas de operações de crédito, crescimento de 12%, quando comparado ao mesmo período do ano anterior. A elevação da relação das receitas de operações de crédito sobre o saldo da carteira evidencia ganho de rentabilidade sobre as operações de crédito, decorrente do giro da carteira e da revisão do valor dos ativos dentro do cenário de elevação da taxa de juros observada nos últimos semestres.
Outro destaque de crescimento da receita da intermediação financeira é o resultado de tesouraria, com títulos e valores mobiliários. No primeiro semestre de 2016, houve crescimento de 19% em relação ao resultado do mesmo período de 2015. Esse crescimento decorre, principalmente, de negociações de títulos públicos.
Despesas de Intermediação Financeira
No primeiro semestre de 2016, as despesas da intermediação financeira cresceram 6% no BRB Múltiplo e 5% no BRB Consolidado, comparado ao primeiro semestre de 2015. A maior parte dessas despesas foram provenientes das captações, quecresceram 14% no BRB Múltiplo e 8% no BRB Consolidado, quando comparado ao mesmo período do ano anterior. Apesar do baixo crescimento das captações do Banco, o aumento dessas despesas decorre da elevação das taxas de juros e da indexação pós-fixada dos passivos.
Por outro lado, um fato positivo a se destacar nas despesas da intermediação financeira é a queda das despesas com provisões para créditos de liquidação duvidosa em 15% no BRB Múltiplo.
Operações de Crédito
A carteira de crédito do BRB, após as provisões, apresentou crescimento, de 0,4% no BRB Múltiplo e de 0,9% no BRB Consolidado no semestre. Esse resultado deve ser considerado como positivo, dado o cenário de crédito enfrentado pelas instituições financeiras.
Segundo dados do Banco Central, a carteira de crédito brasileira apresentou retração de 2,8% no primeiro semestre deste ano. Essa retração foi consequência da deterioração da qualidade do crédito, do aumento da inadimplência e da consequente necessidade de aumento das provisões para devedores duvidosos.
No que tange à carteira comercial, observou-se a retração de 0,3% do volume total no semestre. Todavia, a retração observada é inferior à apresentada pelo PIB brasileiro, que apenas no ano de 2015 apresentou redução de 3,8%. Com base em perspectivas de melhoras segundo os relatórios de expectativas da CNI e do Bacen, o Banco espera retomar o crescimento da carteira comercial no curto e no médio prazos.
Cabe ressaltar, que o Banco entende, mesmo diante da redução da procura por crédito, ser necessário maior rigor nas suas concessões. O rigor passa pelo aumento das exigências por garantias, com a vinculação da liberação de crédito a critérios mais rígidos. Essas medidas têm como objetivos proteger os ativos e reduzir os níveis de provisionamento, face o aumento da inadimplência apresentado em todo o sistema financeiro.

O relatório completo e todos os demonstrativos financeiros estão disponíveis no site http://ri.brb.com.br.

sábado, 27 de agosto de 2016

Prêmio MCB 2016 - Iconografia completa

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

Uma foto publicada por André Falcão (@jornalistafalcao) em

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Jornalista André Falcão - Blog Companhia das Entrevistas - Recebe o prêmio MCB16 - Em 26/08/2016


O Prêmio Movimento dos Comunicadores do Brasil 2016 “Prêmio MCB16”, tem o objetivo de valorizar, unir e integrar os COMUNICADORES das diferentes áreas como: Apresentadores, Blogueiros, Colunistas, Designers gráficos, Fotógrafos, Jornalistas, Locutores, Marqueteiros, Produtores, Publicitários, Radialistas, Social medias, Web designers e Youtubers para desenvolver a autoestima dos mesmos e estimular o protagonismo juvenil e promovam a imagem positiva dos comunicadores do brasil.

O prêmio avaliou a divulgação de ações de comunicação já realizadas ou em realização que valorizem a igualdade, a transparência, a cidadania, a comunidade e as cidades, além de mobilizar, articular e fortalecer o movimento dos comunicadores envolvido com a promoção da comunicação e a sua melhoria.


LILIAN TAHAN
ODIR RIBEIRO
DONY SILVA
FREDERICO DE LIMA MELO
JORGE ANTONIO MARTINS
ELDO GOMES
JULIANA RIBEIRO DE ALENCAR
EMERSON FERREIRA TORMANN
KLEBER KARPOV
AMARILDO ANTÔNIO DE CASTRO
MARIA LÚCIA DA SILVA
DELMO MATOS MENEZES
HAMILTON SILVA DE SOUZA
BEATRIS ERVILHA
UENDELL DOS SANTOS SILVA
ÚRSULA CRISTINA FONTANA
HUDSON PEREIRA CUNHA
SIDNEY HENSON RODRIGUES VIEIRA DOS SANTOS
CARLOS CAETANO
JOSÉ SOARES GURGEL
SÉRGIO LUIZ PEREIRA REGO
ANDRÉ NOGUEIRA FALCÃO
ANDRÉ BRITO
CRISTIANE DA MOTTA CAVALLI
FRANCISCO BERTOLDO DAS NEVES
ANA PAULA ALMEIDA MIRANDA
LARISSA HIPOLITO DE ARAÚJO
HIGINO A FRANÇA C DE MAGALHÃES
BRUNO DE OLIVEIRA FERREIRA
LUCIANO LIMA
RINALDO DE OLIVEIRA
IDOVAN BARROS DE ARAÚJO
MIRO RAJÃO
EMERSON KRONIEQUES DA SILVA
FERNANDA DIAS DE ALMEIDA
PAULO FERNANDO MELO DA COSTA
EDIMILSON ALVES PEREIRA
JÚLIO JARDIM
WANDERVAL CALAÇA
VALDIR BORGES DOS SANTOS
DEBORAH CHRISTINA DE BRITO NASCIMENTO
TIAGO MONTEIRO TAVARES
HOSANEIDE MARIA FREITAS
GABRIEL ROCHA LIMA AMARAL
VANUSA LOPES FERREIRA HERMERTO
LETICIA RODRIGUES DE ALMEIDA
QUELEM MACHADO
FERNANDA BORGES OLIVEIRA
FRED LIMA
FLÁVIO RESENDE
SANDRO GIANELLI
JULIANA RIBEIRO DE ALENCAR
ÉRICA IANUCK LÉDA
KLEBER KARPOV
LILIAN TAHAN
FERNANDA BORGES OLIVEIRA

Poesia em Voz Alta - Associação Nacional de Escritores (ANE) - Brasília-DF



Pela primeira vez, em 53 anos de história, a Associação Nacional de Escritores (ANE) foi contemplada em edital do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal (FAC-DF). A estreia será com o projeto Poesia em Voz Alta, que vai marcar um dos momentos mais importantes na trajetória da entidade. O primeiro espetáculo ocorre nesta sexta-feira (26), às 20h.

Estreia do Poesia em Voz Alta, com obras de Alexandre Pilati e Anderson Braga Horta, com mediação de João Bosco Bezerra Bonfim. Os poemas, nas vozes de Julie Wetzer e Pedro Caroca, com direção de cena de Cláudia Leal, música de Toninho Alves. Arte, reflexão e emoção.


O primeiro dos três espetáculos do projeto Poesia em Voz Alta mostrará que Brasília, apesar de ter apenas pouco mais de meio século de existência, já tem uma tradição de poemas a ela dedicados. Os poetas convidados são Alexandre Pilati e Anderson Braga Horta. A estreia será nesta sexta-feira (26), às 20h, com apresentações também em 29, 30 e 31 de agosto e 2 de setembro, às 15h.


Expedição Safra-Brasília 2016 - O projeto conta com o apoio do BRB

Último dia da terceira etapa da Expedição Safra-BrasíliaO projeto conta com o apoio do BRB

(Brasília, 26/8/2016) – A terceira etapa da Expedição Safra começou na segunda-feira (22) e teve fim na quinta(25). Durante os três dias, uma equipe de profissionais - composta por técnicos da Secretaria da Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (Seagri/DF), da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater/DF), das Centrais de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa/DF) e da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Cerrados) - visitou 115 propriedades que possuem pivô central e produzem culturas irrigadas. As áreas visitadas estão espalhadas nos núcleos rurais do PAD-DF, Jardim, Rio Preto, Tabatinga, Planaltina, Taquara, Pipiripau, São Sebastião, Gama e Vargem Bonita.  
Para o presidente do BRB, Vasco Gonçalves, ações como essa, que visam conhecer as peculiaridades das terras produtoras, são fundamentais para o crescimento da atividade agropecuária do DF. “Dessa forma, torna-se possível a aprovação de políticas públicas mais certeiras que, por sua vez, contribuirão com o crescimento e o fortalecimento da atividade. Além disso, o fato de o projeto ter o apoio de uma instituição financeira, como é o caso do BRB, é fundamental, pois um planejamento financeiro e linhas de crédito adequadas são essenciais para impulsionar o negócio”, destaca Vasco. 
O Encontro Técnico realizado nesta quinta-feira, na sede do Núcleo Rural Rio Preto, finalizou esta etapa da Expedição e teve como tema “Água – uso para irrigação na Bacia do Rio Preto”. Na ocasião, representantes da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), da Secretaria de Estado do Meio Ambiente do Distrito Federal (Sema), da Seagri-DF, da Emater-DF e da Embrapa Cerrados ministraram palestras na intenção de conscientizar os produtores sobre o uso da água e apresentar as preocupações dos órgãos com os níveis baixos dos reservatórios. 
O regulador da Adasa Rodrigo Marques comenta que a Agência tem acompanhado a situação hídrica da bacia por meio da coordenação do monitoramento que em diversos pontos da rede registra e acompanha dados de pluviosidade, vazão e qualidade da água quase que em tempo real (os dados são obtidos de 15 em 15 minutos em estações telemétricas). Segundo ele, quando necessário, esse monitoramento acarreta na realização de reuniões com os usuários de água para a alocação negociada de água, que geralmente resulta em grupos de irrigantes interagindo entre si para o melhor aproveitamento da disponibilidade hídrica da bacia. 
Em relação à palestra realizada hoje, Marques explica que o mote foi o papel da Adasa como reguladora e gestora dos recursos hídricos. “Minha exposição foi mais genérica a respeito do trabalho de outorga, do monitoramento hidrológico realizado na bacia do Rio Preto. Abordamos, ainda, a alocação negociada praticada nas bacias do ribeirão Extrema e do Pipiripau”, finaliza.
Conheça o projeto
A expedição é uma iniciativa da Seagri-DF, em parceria com a Emater-DF e com Ceasa-DF, e visa diagnosticar as condições da safra 2015/2016 de soja, milho e outras culturas irrigadas. O objetivo é que os trabalhos realizados durante a expedição sirvam de suporte no processo de elaboração das políticas públicas, voltadas ao setor da produção de grãos. Serve, ainda, para verificar se as políticas em vigor, em especial o plano ABC (Agricultura de Baixo Carbono) e o MIP (Manejo Integrado de Pragas), estão sendo efetivas.
Apesar da pequena área territorial, vale destacar que o Distrito Federal possui uma produção de grãos maior que a de outros 10 estados brasileiros; a maior produtividade nacional de soja, milho e feijão; e realiza uma das principais feiras do agronegócio nacional, a Agrobrasília, evento que por sua vez, conta com o apoio e a participação do BRB.

Expedição Safra Brasília 2016


Logo Expedicao
A produção de grãos no DF destaca-se pelo seu alto nível tecnológico, servindo de vitrine tecnológica para as outras Unidades da Federação. Segundo dados da CONAB (2014-2015) as áreas de milho, soja, feijão, trigo e sorgo correspondem a 142.200 hectares plantados gerando 752.100 toneladas desses grãos produzidos no Distrito Federal.
A Expedição Safra-Brasília tem como objetivo:
• Realizar um diagnóstico da produção de grãos do Distrito Federal;
• Divulgar e avaliar a adoção das técnicas preconizadas do plano de Agricultura de Baixa Emissão de Carbono (ABC);
• Realizar levantamento sanitário das principais pragas causadoras de prejuízos aos produtores de grãos do DF;
• Avaliar o nível de adoção das técnicas do Manejo Integrado de Pragas (MIP);
• Realizar o levantamento do custo de produção de grãos do DF na safra 2015/2016;
• Divulgar para a população urbana a real dimensão da atividade agropecuária do Distrito Federal.
Nos meses de abril e agosto acontecerão as demais etapas nas regiões produtoras de milho, feijão e outras culturas irrigadas. Em setembro será feito o encerramento do projeto com a divulgação do relatório final.
Confira o calendário:
 
Calendario ExpedicaoSafraBrasília 03etapa
 
Confira a programação da terceira etapa:
 
Programacao 03etapa